Treinador evita falar sobre atuação individual de Neymar e defende Jesus - Tupi Martim

Resumo

quinta-feira, 28 de junho de 2018

Treinador evita falar sobre atuação individual de Neymar e defende Jesus

Quinta, 28 de Junho de 2018



Na entrevista coletiva antes da estreia, Tite disse que não teria problema empatar o primeiro jogo. O Brasil ficou no 1 a 1 com a Suíça. Na véspera da partida contra a Costa Rica, o treinador falou que a partida teria 95 minutos para ser decidida e que o time não precisaria se afobar caso o gol não saísse. 

Os dois gols da vitória saíram apenas nos acréscimos do segundo tempo. Antes de enfrentar a Sérvia, o técnico bancou a escalação de Paulinho e o volante marcou o primeiro gol da vitória. Na entrevista coletiva após a vitória, o comandante da Seleção Brasileira brincou com sua fase vidente.

“É fácil acertar porque eu falei umas quinhentas coisas. É fácil acertar assim [risos]. Você tem que acreditar num processo de equipe, senão você perde coerência. Eu não sei trabalhar assim. Você tem que ter o mínimo de tempo para fortalecimento da equipe. Ela já vinha de uma etapa. Apressam-se etapas, mas não pulam-se etapas”, comentou Tite.

Sem querer comentar a atuação individual de Neymar o técnico falou sobre a evolução da equipe, ao ser questionado se a expectativa sobre a Seleção Brasileira ficava maior após a eliminação da Alemanha.

“A gente não vive de expectativa, vive de realidade. A gente vive de uma equipe que se forma forte durante a competição, que suporta as pressões mentalmente, que é uma equipe equilibrada. Essas situações são aleatórias. 

Elas são de vocês da imprensa, de apostadores, mas ela não é nossa. Eu procuro desafiar os atletas a crescerem. Eu não sei onde essa equipe pode chegar. Ela criou uma expectativa muito alta. A minha expectativa era atingir o mesmo processo evolutivo”, analisou o técnico.

Além disso, ele defendeu Gabriel Jesus, que ainda não marcou na Copa do Mundo.

“Artilheiro vive de fazer um grande jogo. Ele tem essa condição. Uma das coisas que mais me drena como técnico é deixar atletas de qualidade fora. Firmino está jogando muito e nós não tivemos a oportunidade de colocar ele em campo”, afirmou Tite.

Por fim, o treinador brincou com a classificação para as oitavas de final e o alívio da pressão que havia em razão de uma possível eliminação na fase de grupos após 52 anos.

“Hoje eu vou tomar capirinha! [risos]”, comemorou o comandante.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Popular

Pages