Bolsonaro celebrou esquadrões da morte por 'substituir' pena de morte - Tupi Martim

Resumo

domingo, 24 de junho de 2018

Bolsonaro celebrou esquadrões da morte por 'substituir' pena de morte

Domingo, 24 de Junho de 2018



O deputado federal Jair Bolsonaro (RJ), pré-candidato à Presidência pelo PSL, usou os microfones da Câmara em 2003 para parabenizar e defender a ação de grupos de extermínio no país.  Capitão reformado do Exército e defensor do regime militar, Bolsonaro disse na ocasião que, como o Brasil não tem pena de morte, esses grupos são úteis e teriam seu apoio.  A sua fala era uma resposta a um deputado que horas antes havia afirmado que o governo da Bahia, na época, assumira pela primeira vez a existência de esquadrões da morte na região. 

Informações: Notícias ao Minuto 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Popular

Pages