Polícia diz que maior milícia do RJ será enfraquecida após mais de 140 prisões realizadas neste sábado - Tupi Martim

Resumo

sábado, 7 de abril de 2018

Polícia diz que maior milícia do RJ será enfraquecida após mais de 140 prisões realizadas neste sábado

Sábado, 07 de Abril de 2018

Operação policial prende mais de 140 suspeitos de envolvimento com milícia

O chefe da maior milícia que atua no Rio de Janeiro só conseguiu escapar da megaoperação da polícia realizada na manhã deste sábado (7) porque quatro criminosos morreram para protegê-lo e permitir sua fuga de um sítio em Santa Cruz, na Zona Oeste do Rio.

Em uma operação realizada pela Polícia Civil nesta manhã, quatro suspeitos morreram, 142 pessoas foram presas e sete menores apreendidos. Segundo a polícia, os suspeitos mortos trabalhavam como seguranças Wellington da Silva Braga, o Ecko, líder da que é considerada a maior milícia do Rio.

Com as prisões da operação deste sábado, a polícia garante que o grupo de Ecko será enfraquecido. “Não vamos diminuir a nossa força e vamos atuar incessantemente contra a milícia. Outras operações virão. Não tivemos nenhum policial ferido e quem resistiu à ação da força policial, resistiu com fuzis armas de grosso calibre, e teve resposta necessária e suficiente a essa ação. A polícia civil não vai recuar”, ressaltou o chefe da Polícia Civil do Rio de Janeiro, Rivaldo Barbosa.

Ecko é irmão de Carlos Alexandre Braga, o Carlinhos Três Pontes, miliciano que foi morto em abril do ano passado durante uma operação na Polícia Civil. Carlinhos era um dos criminosos mais procurados do estado e comandava o tráfico de drogas em comunidades da Zona Oeste atuava no controle de vans que circulam da região.

Ainda segundo a investigação, o objetivo da organização criminosa chefiada por Ecko é expandir seus territórios, tanto pela Baixada Fluminense, em Itaguaí e Seropédica, quanto pela região de Costa Verde do estado. Os presos responderão pelos crimes de organização criminosa, formação de quadrilha, receptação de veículo roubado e porte de arma de fogo. Leia Mais...  

Informações da Página G1
Popular

Pages